Com o IGTV, Instagram abre novas possibilidades para marcas e criadores

 em Redes Sociais

O Facebook quer ser o centro das atenções quando o assunto é publicação de conteúdo online e de olho nisso, a companhia decidiu dar mais uma cartada para cima de um dos seus principais concorrentes com o IGTV. Basicamente a TV do Instagram.

Se o Stories conseguiu finalmente neutralizar o fantasma do Snapchat que assombrava a vida do Facebook, agora tudo o que Mark Zuckerberg quer é a atenção dos produtores de conteúdo para a sua TV em formato vertical. O principal diferencial do IGTV em relação ao Youtube é que a plataforma não quer que você transmita o vídeo para uma TV ou veja no computador, sim deve ser consumido ali, com o celular na mão.

Isso traz um novo horizonte para os anunciantes, afinal com o grande crescimento das compras feitas por dispositivos móveis, a capacidade de conversão da ferramenta acaba se tornando ainda maior do que nas demais plataformas. E de conversão o Facebook entende bem., né? A rede acabou com o monopólio do Google e remodelou o modelo de comercialização de anúncios em agências de todo o mundo.

No entanto, embora seja bem promissor, o IGTV ainda precisa provar a que veio. E isso vai depender mais dos usuários do que efetivamente da vontade de Zuckerberg. Por enquanto tudo o que vimos por lá foram “stories estendidos”, ou seja, poucas produções feitas especificamente para o formato. Mas é questão de tempo até começarem a aparecer os conteúdos nativos para IGTV. A partir daí, teremos a grande prova se a rede vai mesmo decolar ou se será mais um recurso para poluir o Instagram, uma rede que sempre foi adorada pelos usuários por sua simplicidade.

Postagens Recomendadas

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar