Como se posicionar em momentos de crise?

 In Marketing

Recentemente o consumidor têm se tornado cada vez mais sedento por posicionamento e isso acaba impactando o mercado de forma direta, fazendo com que muitas empresas se sintam pressionadas a se posicionar a respeito das temáticas que envolvem as notícias atuais.

É importante sempre se manter atento ao posicionamento de sua própria marca, lembrar de sua missão, visão e valores, para realizar o levantamento da necessidade de se posicionar ou não.

 

  • Devo me posicionar em todos os momentos?

 

Não. Querendo ou não, as marcas também possuem suas personas e são lembradas por seus posicionamentos. Uma marca que se posiciona sobre tudo que está acontecendo é uma marca sedenta por atenção e não por se posicionar.

Aderir essa postura de se posicionar a todo momento, além de colocar sua marca em uma corda bamba o tempo inteiro, acaba passando uma visão de “desespero” para seu consumidor, demonstrando uma necessidade muito grande de aprovação.

 

  • Qual é o melhor momento para me posicionar?

 

No início das notícias? Quando outras marcas se posicionarem? Quando “a poeira abaixar”? Depende. O melhor momento para se posicionar é quando você se sentir à vontade.

O posicionamento deve ser espontâneo e, como citado anteriormente, deve estar de acordo com o posicionamento de sua marca. Lembre-se bem de analisar a base de sua empresa antes de elaborar algum posicionamento perante suas postagens.

 

  • Qual postura adotar ao não me posicionar?

 

Respeito, timing e paciência. Dependendo do momento, é necessário manter essas três palavras como base, mesmo sem se posicionar. Ainda que não seja contextual com seu nicho e que não exija seu posicionamento, é necessário se atentar para manter o respeito a pauta que está sendo tratada pelo resto do mercado.

O timing se refere ao momento ideal de seguir sua rotina de postagens. Você deve analisar o movimento das plataformas antes de realizar alguma postagem, para que não pareça um descaso de sua parte com a pauta tratada.

E por fim, paciência, as vezes o melhor a se fazer é aguardar um pouco para retornar ao movimento comum de suas plataformas e tomar iniciativas aos poucos, de maneira gradativa.

 

Mantenha-se atento nas movimentações do mercado para aprender como lidar com essas situações acompanhando outras marcas se posicionarem, acompanhe o posicionamento das grandes vozes do público e, principalmente, não tenha pressa para posicionar sua marca nos momentos de crise.

Recommended Posts