Coletivo Papel & Caneta faz lista com 30 jovens que lutaram para mudar a indústria da comunicação em 2019

 In Branding, Mercado, Relações Públicas

No final do ano passado o Coletivo Papel & Caneta criou uma lista de 30 jovens que decidiram lutar por conta própria e mostrar que, mesmo em uma rotina tão corrida, é possível criar iniciativas independentes que promovam mudanças reais no mercado publicitário.

Entre alguns dos nomes e inciativas que aparecem na lista estão, Verônica Dudiman, Daniele Mattos e Amanda Abreu que criaram juntas, o Indique uma Preta. Uma rede de apoio e empregabilidade para mulheres negras por meio de workshops e rodas de conversas. Agora  também prestam consultoria para a mudança da cultura de empresas e marcas.

Na lista também está Jeferson Guimarães, que é bisexual, soropositivo e foi criado em uma periferia de São Paulo. Ele lançou uma web série com 5 episódios, a “Como Cheguei lá”, em parceria com o Geek Publicitário. A série conta histórias que fogem do tradicional perfil de profissionais da área e mostram que meritocracia não é tudo.

Outras inciativas como a de Saymon Medeiros, diretor de arte, que atualmente trabalha em Dubai, criou uma lista para confrontar a famosa planilha das agências ‘Como é trabalhar aí’ que todos os anos expõe tantos problemas e casos de assédio no mercado, junto com o Alexandre Freire. Com o nome de ‘Quem te ajudou aí’, em março ele convidou líderes e jovens para falarem publicamente sobre pessoas que abriram portas e ajudaram em suas carreiras.

Para conferir a lista completa com todos os nomes e inciativas incríveis criadas neste ano basta clicar aqui.

Recent Posts